ASBAI - Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia

História

ASBAI

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ALERGIA E IMUNOLOGIA


A Sociedade Brasileira de Alergia foi estabelecida no Rio de Janeiro em 3 de dezembro de 1946. Seu primeiro presidente foi o Dr. Ulisses Fabiano Alves e a SBA iniciou suas reuniões mensais utilizando como sede provisória a sala 705 do Edifício São Borja, na Avenida Rio Branco, sala esta gentilmente cedida por seu presidente. Estas reuniões tinham cunho não só administrativo mas também científico, sempre com apresentação de trabalhos, desenvolvidos por seus sócios ou convidados. A SBA era muito ativa e em novembro de 1955 promoveu o 2º Congresso Internacional de Alergia no Rio de Janeiro. Diversos expoentes da alergia mundial participaram deste congresso e os convidados de honra foram os Professores Henry Dale, Robert Cooke, Carlos Jimenez Dias, Bernardo Houssay, Maurício Rocha e Silva e Pasteur Vallery-Radot. Vários destes se tornaram sócios efetivos ou honorários da sociedade. Entre eles, Maurício Rocha e Silva, que em junho de 1950 já havia apresentado, em sessão ordinária da SBA, a conferência:"Um novo agente auto-farmacológico: a Bradicinina", pesquisa importantíssima de repercussão mundial.

Os sócios fundadores da SBA foram: Amaury Coutinho, Alvaro de Barros, Antonio Oliveira Lima, César Menegali, Clóvis Aguiar, Djalma Ernesto, Eleutherio Brum Negreiros, Francisco José da Silveira Lobo, Haroldo Cardoso de Castro, José Bartholomeu Greco, João Machado, José G. de Barros, José P. de Castro Garcia, Mario Miranda, Nelson G. Vasconcelos, Nelson Passarelli, Newton Guimarães, Olavo Gabriel Diniz, Paulo Dias da Costa, Percy P. dos Santos, Raphael Galeno, Saul Carneiro, Tamara Rubinstein e Ulisses Fabiano Alves Filho.

Quatorze anos depois, em 25 de abril de 1960, em São Paulo, outra sociedade também se estabeleceu: no Departamento de Microbiologia e Imunologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, foi fundada a Sociedade de Investigação em Alergia e Imunopatologia - (S.I.A.I.). Assinaram o Livro de Ata da Fundação: Carlos da Silva Lacaz, João Ferreira de Mello, Livio Pincherle, Sebastião Almeida Prado Sampaio, Julio Croce, Anelise Strauss, Mauricio Mota de Avelar Alchorne, Neusa Lima Dillon, Açucena Raphael, Luiza Hepner Levy, Paulo Vilhena Morais, Aluizio Faria, Argemiro Rodrigues de Souza, Ernesto Mendes, Hugo Cerello, Gastão Arruda Pacheco, Alberto Levy, Luiz Dias Patrino, Geraldo Nogueira de Castro. Em quatro de outubro de 1965 a sociedade teve seu nome mudado para Sociedade de Investigação em Alergia e Imunopatologia do Brasil.

A história das sociedades que estudavam a alergia e imunopatologia se modifica a partir do anos 70 - numa decisão sábia, em contra-ponto à máxima de Machiavel (dividir para governar), decidiu-se pela união para o fortalecimento. Em 18 de novembro de 1971 na Assembléia Geral realizada durante o XI Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia em Belo Horizonte foi aprovada a fusão entre a Sociedade Brasileira de Alergia (S.B.A.) e Sociedade de Investigação em Alergia e Imunopatologia do Brasil (S.I.A.I.B.), dando origem à Sociedade Brasileira de Alergia e Imunopatologia (S.B.A.I.). Esta fusão foi oficializada em 17 de novembro de 1972 quando toma posse o primeiro presidente, Prof. José Maria Munhoz da Rocha, seguido pelo saudoso Osvaldo Seabra, José Landucci Brunini, Lain P. Carvalho, João Ferreira de Melo, Waldemir C. Antunes, João Bosco M. Rios, Charles Kirov Naspitz, Paulo Ferreira Lima, Wilson T. Aun, Luiz Antonio Bernd, José Seba e Dirceu B. Greco.

Em seu estatuto, esta definido que a SBAI é sociedade civil de caráter científico e classista dos especialistas em Alergologia e Imunologia Clínica, sem finalidade lucrativa, sem vinculação político-partidária, com sede e foro na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, cabendo-lhe promover o estudo, a discussão e a divulgação de questões relativas à Alergologia e à Imunologia Clínica, em elevado padrão científico e ético, bem como a concessão de Título de Especialista em Alergia Clínica e Imunologia a seus sócios, de acordo com convênio celebrado com a Associação Médica Brasileira.

Para a consecução de seus fins sociais, a SBAI:

a) promove congressos, cursos e sessões sobre Alergia e Imunologia Clínica;

b) mantém intercâmbio científico com entidades congêneres ou outras de caráter médico, nacionais ou estrangeiras;

c) promove a divulgação dos estudos sobre Alergia e Imunopatologia Clínica, especialmente os realizados na América Latina;

d) participa de movimentos associativos de aspecto médico-social, sejam eles de natureza ética, reivindicatória ou profissional, isolada ou conjuntamente com outras Entidades de Classe, como a Associação Médica Brasileira e suas Federadas, através de Comissões específicas, ou de outras que se fizerem necessárias.

Estes objetivos só podem ser atingidos com a participação efetiva de todos os seus associados, com ênfase na representação estadual (via Presidentes de Regionais e respectivas diretorias), visando a melhoria das condições de trabalho dos especialistas para seu fim maior, que é o bem estar de nossos pacientes e a prevenção de doenças alérgicas e imunológicas.

Hoje, 1998 a SBAI está bem consolidada, com quase 1200 sócios, sendo que metade deles já tem o título de especialista em alergia e Imunologia clínica. Sua sede nacional é na cidade de São Paulo e através de suas regionais (Alagoas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo) a sociedade está representada de norte a sul do país e em contínua expansão.

Entre suas diversas atividades, cumpre destacar o Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia (sua 26ª edição ocorrerá em Belo Horizonte, em novembro de 1998), atividade realizada cada dois anos; a Revista Brasileira de Alergia e Imunopatologia (já em seu volume 21, indexada no Lilacs e, em nova fase, mais ágil, mais estruturada, se preparando para a indexação no Index Medicus); o estabelecimento da página eletrônica (www.sbai.org.br), facilitando a comunicação com os associados e propiciando acesso imediato às atividades da sociedade, incluindo a Revista e, também, acesso à literatura internacional sobre a especialidade). Para aumentar ainda mais sua presença e participação junto à comunidade, a SBAI decidiu estabelecer a SEMANA DA ALERGIA, que ocorrerá pela primeira vez (e será anual) na terceira semana de maio de 1999 (17 a 21 de maio). Além disto, a SBAI está estabelecendo rede nacional de aerobiologia, visando a identificação da flora polínica (e, eventualmente, fúngica) brasileira e está coordenando projetos de pesquisa de alto interesse científico e social.



XXXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE ALERGIA E IMUNOPATOLOGIA
SAUÍPE - 27 1 31 DE OUTUBRO DE 2007

DISCURSO DO PRESIDENTE DE HONRA

Ilmos Srs.

Convidado para ser o Presidente de Honra deste Congresso, gostaria de dizer que me sinto muito pequeno e por incrível que lhes pareça ainda muito  jovem para merecer esta suntuosa homenagem. Mas agradeço de coração a deferência generosa dos meus amigos que ora me presenteiam. Jamais passou-me pela cabeça chegar a este acme.

Como as coisa aconteceram:

Em 1968, eu exercia a Pediatria Geral , quando fui convidado por colegas dermatologistas para ser o pediatra de uma clínica de Alergia a ser fundada em breve. E aceitei; uma vez funcionando verifiquei que meus conhecimentos não eram suficientes para aquele tipo de atendimento específico.

Logo, em 1969 , inscriví-me no conhecido Curso de Alergia para Clínicos e Pediatras na Policlínica do Rio de Janeiro, magnificamente orientado   pelo Prof. Brun Negreiros, onde tive as primeiras e sólidas noções da especialidade. Fascinado com o talento e a abnegação do grande  mestre, ao lado de seu desmedido prazer em ensinar, surgiu a minha simpatia por este importante ramo da Medicina. A sua competente e empenhada equipe de assistentes de então consolidou o meu interesse pela especialidade. Em oportuno quero expressar a minha admiração por um dos membros da equipe, o meu caro amigo e ex-professor João Bosco Magalhães Rios. E a você, Brun Negreiros, o meu eterno muito obrigado.

Naquela época, a Alergia era exercida em Salvador por dermatologistas; e graças ao idealismo de um deles , o saudoso Prof. Helio da Silva Ribeiro, que a história  da Alergia em Salvador começou, em setembro de 1976, ocasião em que foi fundada a SBAI-REGIONAL DA BAHIA, da qual ele foi o primeiro presidente. Convidado por Hélio, fui admitido como sócio da SBAI em 1977.

A Helio sucederam Luiz Fernando Melo e Washington Benevides ; em 1980 eu compunha a Diretoria e em 1982, eu ocupava a presidência de SBAI-BA, com muita honra, até 1992, ano em que Salvador sediou o XXIII Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia, por mim presidido.

Em 1984 tornei-me especialista em Alergia em prova realizada em Olinda/PE, durante o XIX Congresso Brasileiro de Alergia e IV Congresso Luso Brasileiro de Alergia e Imunologia naquela cidade, presidido pelo ilustre Prof. Jomar Ferreira Netto, tendo a SBAI como presidente o eminente Prof. Waldemir Antunes.

Naquela ocasião, na Bahia, éramos muito poucos, talvez oito membros. Várias clínicas de Alergia já existiam entre nós, e comecei minha peregrinação de clínica em clínica convidando os colegas a ingressarem na Sociedade, mostrando-lhes a conveniência e a necessidade de maior representatividade entre nós; inúmeros eventos foram realizados :
( jornadas, simpósios, cursos de reciclagem, entre outras atividades ); o número de sócios ainda não é suficiente grande, mas novos especialistas surgiram. Hoje somos 39 sócios, dos quais 20 especialistas.

Em novembro de 1995 foi criado o Ambulatório de Alergia, vinculado ao Serviço de Imunologia do Prof. Edgar Carvalho no Hospital Prof. Edgard Santos, da Universidade Federal da Bahia. O serviço do Dr. Edgar Carvalho é responsável pela formação de imunologistas e  tem dado um inestimável suporte aos postulantes ao título de especialista em Alergia.

Em 05 de dezembro de 2002, por iniciativa do Dr. Álvaro Cruz, foi criado o Projeto de Asma e Rinite (PROAR), com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Estadual de Saúde, Ministério da Saúde e FAPESB, com o objetivo de tratar e controlar asma grave, incumbindo-se da educação e conscientização dos pacientes mediante encontros mensais, treinamento e reciclagem de médicos e demais profissionais de saúde, além de fornecimento gratuito de medicamentos. Os números têm mostrado uma substancial redução da morbidade por asma, além da redução dos internamentos hospitalares e em UTI, visitas à emergência e consultas não programadas; acresça-se a economia em relação aos gastos diretos e indiretos decorrentes da asma, como gastos com medicamentos e transporte, e a falta ao trabalho ou à escola. Hoje o PROAR estende-se a outras cidades como Feira de Santana, Vitória da Conquista e inúmeras outras cidades do interior, estando sob a coordenação do Dr. Adelmir Machado.

Enquanto isto, entre nós da ASBAI-Reg. Bahia, outras Diretorias conduzidas por Carlos D´Almeida, Manoel Medeiros, Vitório Marchesine, João Bosco Ferreira e eu próprio,  sucederam-se e alternaram-se ao longo destes anos, todas cumprindo os seus misteres com competência e honradez. Finalmente, chegamos a 2007 com o nosso atual Presidente, o incansável Dr. Manoel Medeiros, que nos dá a oportunidade e a satisfação de a Bahia sediar o XXXIV  Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia, oferecendo como palco das atividades científicas este paraíso que é Sauipe.

Assim termina o meu depoimento de como nasceu, tem crescido e vivido a Alergia na Bahia.

Sem mais delongas, quero agradecer o apoio recebido das diversas Diretorias da Sociedade Brasileira de Alergia e Imunopatologia, durante todos estes anos em que estive envolvido com ASBAI-Reg.Bahia. os meus agradecimentos também aos colegas de nossa regional, que comigo caminharam e me apoiaram em todos os momentos. O meu agradecimento particular ao Dr. Wilson Tartuce Aun, sempre presente ao nosso lado. E com todos estes divido esta honraria recebida.

Parabéns à Diretoria da ASBAI, conduzida com brilhantismo e competência pelo Dr. Evandro Prado, parabens à Diretoria ASBAI-Reg. Bahia e, em especial, parabéns a Manoel Medeiros por esta grande iniciativa.

Aos congressistas e seus acompanhantes, as nossa boas vindas , o desejo de uma feliz estada, augurando que usufruam da melhor maneira o tempo em que estiverem entre nós.

Muito obrigado

 

OBS: Discurso proferido por João N.S.Machado Neto, presidente de Honra do XXXIV Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia, em Sauípe/BA, em 27/10/07

 

Voltar Voltar Topo TopoTopo Página de Impressão

Política de Privacidade

Copyright 2013 Associação Brasileira de Alergia e Imunologia

Av. Prof. Ascendino Reis, 455, Vila Clementino, CEP 04027-000, SÃO PAULO, SP, Fone: (11) 5575-6888